segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Política de Interesse by/por Eça de Queiroz, in 'Distrito de Évora (1867)

"Em Portugal não há ciência de governar nem há ciência de organizar oposição. Falta igualmente a aptidão, e o engenho, e o bom senso, e a moralidade, nestes dois factos que constituem o movimento político das nações.
A ciência de governar é neste país uma habilidade, uma rotina de acaso, diversamente influenciada pela paixão, pela inveja, pela intriga, pela vaidade, pela frivolidade e pelo interesse.
A política é uma arma, em todos os pontos revolta pelas vontades contraditórias; ali dominam as más paixões; ali luta-se pela avidez do ganho ou pelo gozo da vaidade; ali há a postergação dos princípios e o desprezo dos sentimentos; ali há a abdicação de tudo o que o homem tem na alma de nobre, de generoso, de grande, de racional e de justo; em volta daquela arena enxameiam os aventureiros inteligentes, os grandes vaidosos, os especuladores ásperos; há a tristeza e a miséria; dentro há a corrupção, o patrono, o privilégio. A refrega é dura; combate-se, atraiçoa-se, brada-se, foge-se, destrói-se, corrompe-se. Todos os desperdícios, todas as violências, todas as indignidades se entrechocam ali com dor e com raiva.
À escalada sobem todos os homens inteligentes, nervosos, ambiciosos (...) todos querem penetrar na arena, ambiciosos dos espectáculos cortesãos, ávidos de consideração e de dinheiro, insaciáveis dos gozos da vaidade. "

É uma +pena é que o que se passava apenas no ambito politico do sex XIX actualmente se passe a todo o nivel social e profissional. Ou seja em vez de se mudar para melhor alastra-se o que existe de pior pelos vistos

domingo, 26 de fevereiro de 2012

de SusieA1114 partilho porque me identifico com o que escreveu

Gostei muito deste texto de SusieA1114 e partilho
ACCEPT ME
Accept me as I am I have no guarantee.
A claim to perfection I have not. Perfect I cannot be.
I, like you.....am human. Prone to make mistakes.
Failure is not a character flaw, Just a part of the human makeup.
I live, I laugh and I also learn. My knowledge is incomplete.
I am searching all the time, in waking hours as well as sleep.
I have a long road to travel, as well as you do.
We learn our lessons on the way. Wisdom we shall accrue.
So please accept me as I am Because I am .... Just me.
No one like me in the world. That is my only guarantee.
This is how I feel I have a heart, open it and see
Please take care That's all I am, just me.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Os tempos, as acções, os enigmas, as razões, os porquês, a falta de entendimento ou tentativa deste

É certo que ao longo dos anos as pessoas vão passando por situações que conduzem a formas de pensar mutaveis e por vezes ate de acção aos nosso olhos estranhas.

Dizem os religiosos e espiritualistas que estamos numa era em que quem é realmente bom enaltecerá o seu lado bom, quem se deixou dominar a vida toda pelo lado negativo enaltecerá este lado negativo assim como muitas almas andam perdidas neste mundo sem saberem par aonde e como ruamrem seus caminhos tentanto incessantemtne encontrarem seu rumo interior. é muiats vezes desta forma que se tentam explicar situaçoes tao nefastas e mortes tao abruptas ou surpreendentes. EU considero que ha mais alem de uma explicaçao tao "simplista" em tudo que tem nos rodeado e sucedido seja na globalidade da humanidade seja pessoalmente a cada um de nós.A perda de valores, a perda de sentimentos de humanidade real e desinteressada que outrora eram mais evidenciaves no ser humano tambem ajudam a que haja uma maior desoritenaçao por parte do ser humano um para com o outro ou ate por vezes apra consig mesmo.

Este fim de semana fomos confrontados com duas noticias tristes ambas surpreendentes.
Uma a morte tao estranha da cantora Diva da musica soul e pop Whitney HOuston. Mais uma estrela que sucumbe as medicações receitadas para as quais a maioria das pessoas hoje em dia recorrem porque receiam sentir a dor e combate-la sem usarem quimicos. Hoje em dia pensasse que tudo se resolve tomando uma pilulazinha e que os problemas ficam resolvidos. Na realidade os problemas permanecerão se não fizermos nada para os resolver e combater, a pilulazinha a unica coisa que fara é ajudar a pessoa a ficar entorpecida deixar de sentir tanto emocionalmente a situaçao que a assolara, mas isso nao a capacita no facto da resoluçao.
E la vao as figuras publicas (e não somente as publicas)que deteem problemas recorrerem a psiquiatras que lhes receitam tais medicaçoes, ou ate médicos.
Quantos ja nao sucumbiram devido a estes "analgesicos" da dôr emocional? Whitney Houston foi mais uma dessas vitimas que acreditam que um comprimido resolve ou ajuda tudo. os probleams adensam-se e toca a tomar mais um ou mais outro para amortecer o sentimento menos positivo que assola o coraçao ou porque a pessoa reage de forma que outros a considerem estranha por estar a sentir-se menos bem emocionalmente perante siutaçoes que a magoem interiormente. Sim porque hoje me dia nao se pode reagir tem que se manter uma postura que a face dos outros pareça equilibrada, contudo o que é na realidade ser-se equilibrado? Se muitos dos que tal parecem usam medicaçao para agirem como tal, de acordo com o que terceiros pensem que se deve agir e nao de acordo com a sua forma de sentir. Reacção não é algo negativo, camuflar a reacção isso sim é que o é! Porque isso conduzira a um acumular de emoçoes que um dia anos mais tarde ao serem despoletadas e uma só vez poderão deter consequências nefastas e surpreendentes. Nunca escutarama frase!"nunca imaginei aquela pessoa ser capaz disso, sempre foi tao calma e comedida nas suas palavras e actos" ora precisam de mais exemplos? e quantas vezes nao sucedeu "ei aquela é maluca de todo ou aquele nao bate bem da cabeça?--mas vistas as coisas ao longo dos anos quem outrora consideravam maluco em meras palavras por nao entenderem nunca prejudicara ninguem, nem cometeria actos tresloucados que outros nao parecendo comete-los os acabariam por efectivar.
Quando é que a sociedade vai deixar de parecer ser a realmente SER? sem receios que alguem lhe aponte o dedo por falta de entendimento ou pura ignorancia? Disseram "´e feio gritar" por isso se ouvimos alguem gritar dizemos "olha é doido/a" mas sera que ao gritar nao estarao a esvaziar o que sentem de negativo dentro? sera que ao nao manter dentro de si o negativo e exteriorizar de forma nao prejudicial tal nao sera melhor do que conter anos e anos a fio algo porque "parece mal" e os "outros vao me julgar"? Pois! Reagir foi sempre melhor do que conter ou amortecer com medicaçao as reacçoes que nao sao nefastas nem a si mesmo nem aos demais.Desde quando sentir é mau? So nos tornamos mais forte interiormente ao aprendermos a confrontar os nosso medos e sofrimentos (e nao a fugir deles recorrendo a medicaçao que entorpeça os nossos sentidos). E isto qeud efendo tem se vindo a comprovar basta ver as mortes tanto de figuas publicas como de civis comuns devido a excesso de medicaçoes que "amortecem" as emoçoes e o sentirem a dor o sofrimento.Antigamamente so os que eram realmente comprovados como doentes mentais é que eram sujeitos a medicaçao. Hoje em dia qualquer pessoa se medica porque ate uma depressao ou excesso stress teem receio de enfrentar emocionalmente sem recorrerem a comprimidos.
Pelos vistos as pessoas hoje em dia preferem deixar de sentir a dor camuflando a quimicamente(como se isso resolvesse algum problema ou a resoluçao desta interiormente)Desde quando deixar de sentir algo triste ou o sofrimento é a soluçao apr aos problemas? Se muitas vezes o porprio sofrimeto abre-nos o caminho apra a luz para a mudança para a nossa melhoria como seres humanos. Nao podemos mudar sem sentirmos o negativo na pele.Porque o positivo o que nos sucede de bom nao precisa de mutação da nossa parte para se manter certo? Quer queiram quer nao é com a dor que aprendemos mais. Nao a dor inflingida, mas a dor das circunstacias que a vida nos vai impondo e a forma como temos que lidar com ela para resolver tais problemas (porqur todos os temos desde o mais anonimo ser humano ate a mais famosoa figura publica).
Whitney houston- Paz a sua alma- é a uncia cosia que me resta dizer. Qqunso pesnamsoq ue uma pessoa tem tudo concluimos que afinal muita coisa lhe deveria faltar.


Agora mencionarei a situaçao do crime macabro de Beja

O circo começou.
Um senhor ex bancario que pelos vistos para dar maior comidade a familia ate foi para a cadeia por cometer desfalque, ha dias matou esposa, filha, neta e ate os bichos de estimaçao.
O que lhe ia na cabeça na altura que fez isso so Deus sabe. Acredito veemente que nao tenha sido por maldade nem requitnes de tal. Sou apologista que em face a tudo que vivemos e da forma como as coisa nos saov eiculadas pela informaçao emf ace as dificuldades da vida, de uma forma estranhamente distorcida esse senhor tera matado sua familia com intençao de a proteger de um futuro negro. Concordo com o psicologo Quintino Aires e com a sua teoria que versa esa analise por ele mencionada. Para onde quer que vamos so escutamos mas noctias, o descalabro, guerras, crises economicas, governaçao que nem sabe o que ha-de fazer a este país e estrangeiro. Nao me parece que um futuro negro fosse o que esse senhor desejasse para a sua familia. Sendo um individuo de mais de 50 anos decerto tera sido educado com a ideai que o homem é o sustento da familia o que deve salvagaurdar o bem estar de sua familia e creio que tenha acreditado face seja a que situaçao estivesse viver que a forma de salvagaurdar a sua familia de algo pessimo foi justamente essa forma tao abrupta e amcabra visto as tantas ja nao se sentir capaz de conseguir manter um vida como gostaria apra os seus. Nao sei. apenas exploro e relato a teoria do nosso psicologo conhecido Quintino Aires que estudioso do comportamento humano teve toda a logica na sua analise, a meu ver. Quem diz que matam apenas por maldade? Ja houve e ha quem matasse por pensarem que assim protegeriam os seus (vai se la saber porque razao é que irao pensar que a morte é a soluçao de protecçao... mas isso esta na mente de quem comete o acto embora nao consiga entender tal e nao veja tal como uma soluçao sinceramente). MAs o circo que se esta a montar a volta deste homem! é abismal porque como sempre e como se tem vindo a ver actualmente a imprensa so procura as desgraças apra explorar. E quantos mais a lerem e verem este genero de desgraças que tenham ate porblemas mentais nao veham depois a imitareme ste genero de actos? a imprensa tem muita responsabildiade em muiats das situaçoes negativas que teem decorrido nao somente a nivel nacional como no mundo inteiro. Quantos ja nao cehagram a cometer actos gheidonso pro saberem que apreceriam um dia nas noticias? Sem querer ditauras acho que determinadas noticas dfeveriam começar a ser controladas confesso, porque isto esta a tornar se o descalabro ou sera que ainda nao se aperceberam de tal?
O escaparate, os vizinhos agora a quererem aparecer na televisao para falarem e terem seu minutinho de fama. Ja estou a ver "olha olha olha eu ali a falar com o jornalista da televisao estas a ver?" como muitas pessoas pensam e fazem quandot al lhes sucede. E por vezes nemt eem anda de novo acrescentar..apenas apareceram por um minuto de fama mesmo que seja devido a uma noticia tao triste, tao negativamente surpreendente, tao tão...nem ha palavars apra descrever uma situaçao assim
Nao julgo esse senhor, nao sou juiza. Tenho pena do homem, Vai haver muita gente a apontar lhe o dedo e julga-lo e eu questiono! Com que direito? Os tribunais ja se encarregarao da situaçao e um homem de 56 anos matou (por razoes que desconhecemos e somente ele realmente sabe) uma familia a sua familia, vai viver com isso o resto da sua vida curta ou nao e ira aprar a cadeia o pouco tempo de vida que lhe restar! Acho que ja se pereu tudo num ser humanso nao vos aprece? Apontar-lhe o dedo para que e porque? Se as consequências de seus actos irrelfetidos ja as esta a sofrer!